Keith Haring, o artista que conquistou o espaço público

Nasceu em maio de 1958 e morreu com sida em 1990. “Reivindicar o espaço público como meio de expressão foi uma das conquistas”, diz Vhils. João Pedro Vale também o dá como referência. Faria 60 anos.

Os bonecos ingénuos de Keith Haring são já parte integrante da cultura popular e do imaginário coletivo. O estilo e a técnica do artista, e sobretudo a maneira de estar na arte, abriram caminho a vários criadores contemporâneos, incluindo portugueses. “Uma referência”, reconhece Vhils. “A atitude dele sempre esteve presente no nosso trabalho”, acrescenta João Pedro Vale, que trabalha em dupla com Nuno Alexandre Ferreira.

Deixe um comentário!