Pesado ofício esse de ser quem nunca fui

Muitas vezes carrego este pesado ofício de começar algo sem saber quando vou terminar, de continuar mesmo depois do último ponto final e de ignorar todos os gostos alheios para não me anular

Deixe um comentário!